Com as convenções, partidos começam a definir rumos em Herval

As eleições estão se aproximando. Até o dia 16 de setembro podem ser realizadas as convenções partidárias. Neste espaço de tempo os partidos definirão que rumo tomar neste pleito, ou seja, com quem caminhar e como caminhar. As convenções são atos internos dos partidos e devem seguir os ditames de seus estatutos. São obrigatórias e o resultado da convenção, tem que ser informado, através de ata, em até 24 horas a Justiça Eleitoral.

E as convenções estão sendo realizadas neste prazo, em virtude do adiamento do pleito, que antes estava marcado para o dia 04 de outubro. A época, antes da promulgação da Emenda Constitucional 107/2020, elas seriam realizadas ente 20 de julho a 05 de agosto, ou seja, o prazo para as convenções foi prorrogado em por 42 dias, proporcionalmente ao adiamento da votação, que agora será no dia 15 de novembro.

O Progressistas e o PSB já deram os primeiros passos. O Progressista e como se era esperado por aclamação e de forma unânime, confirmou o nome de Ildo Sallaberry como candidato a Prefeito e Celso Silveira, como candidato a Vice-Prefeito de Herval pelo Progressistas.

A Convenção ainda aprovou a coligação com o PTB e o PL, batizada de Sim, nós podemos mais!

O ato ainda confirmou 14 nomes, entre mulheres e homens, que irão representar a agremiação partidária nas eleições municipais.

Já o PSB realizou aprovou 5 nomes entre homens e mulheres que irão disputar vaga para camara de vereadores de Herval.

O PDT, seguindo a linha de sempre apresentar candidatos ao Executivo, tem sua convenção marcada para o dia 12 e os nomes que falam nos bastidores é que se não tiver nenhuma mudança, terá como candidato a Prefeito o nome de Jairo Sais com o Vice-Prefeito Gilvane Ferreira e ainda se espera o quadro dos nomes a Câmara de Vereadores, mas a confirmação somente após a convenção.

O mesmo se dá ao PSDB e MDB que este ano apresentará somente candidatos a Câmara, a não ser que haja alguma surpresa pós convenções.

De acordo com o TSE – Tribunal Superior Eleitoral, com o objetivo de atender às recomendações médicas e sanitárias, em virtude do Covid-19, os partidos políticos poderão realizar suas convenções em formato virtual. Mas deve-se garantir ampla publicidade, a todos os seus filiados, das datas e medidas que serão adotadas. Os estatutos dos partidos preveem, por exemplo, um prazo para que se dê divulgação, através de edital, chamando os convencionais, em especial aqueles que têm direito a voto, sobre o dia e horário da convenção, bem como o local.

O TSE autorizou os partidos a utilizar as ferramentas tecnológicas adequadas e que entenderem para as convenções virtuais, desde que obedeçam aos prazos aplicáveis nas Eleições 2020 e às regras gerais da Lei nº 9.504/1997 (Lei das Eleições) e da Resolução TSE nº 23.609/2019, com as adaptações previstas quanto à abertura do livro-ata, registro de dados, lista de presença e respectivas assinaturas.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Google vai distribuir 500 mil bolsas de estudos para cursos em tecnologia; veja como se candidatar

O Google anunciou em junho que distribuirá ...

%d blogueiros gostam disto: