Empresários pinheirenses relatam prejuízos após áudio vazado

Um áudio que circulou nos aplicativos de mensagens na última semana, em Pinheiro Machado, ainda causa impactos para Ana Gorete Teixeira e Solano Cardoso, proprietários da Padaria e Restau­rante da Aninha. Na mensagem, repassada logo em seguida da con­firmação do primeiro caso confir­mado de coronavírus no município, um homem comenta que o paciente havia realizado uma refeição no estabelecimento do casal. A infor­mação foi confirmada para ambos pela própria empresa empregadora do paciente infectado.

O repasse do áudio foi ins­tantâneo entre amigos, familiares e grupos no aplicativo. Em poucos minutos os pinheirenses já mencio­navam o estabelecimento ao falar sobre o paciente – natural de outro estado e que presta serviços em uma empresa que atua em Pinheiro Machado. “Nós recebemos o aviso oficial da empresa e um pouquinho antes de sair o boletim oficial já tivemos um cancelamento de en­comenda de bolo, a justificativa era que estaria circulando um áudio dizendo que todos os nossos fun­cionários estavam infectados pela Covid-19”, contaram para o jornal Tribuna do Pampa.

E assim seguiram as horas. Do áudio original outras tantas conversas surgiram e circulavam ainda mais. Para os empresários e seus colaboradores um misto de tristeza e medo – tanto em relação ao trabalho quanto à doença causada pelo novo coronavírus que aca­bava de chegar na cidade. O grupo e seus familiares também relataram ser vítimas de discriminação por onde passavam. Logo em seguida, o casal e os colaboradores – 12 pessoas no total – foram submeti­dos aos testes em um laboratório de Pelotas e nenhum deles estava infectado.

Mesmo com o resultado, o movimento caiu significativa­mente e os impactos financeiros e psicológicos ainda estão presentes entre os membros da equipe. Os proprietários do estabelecimento lembram que, desde o início dos decretos que implicou em uma série de medidas para conter a disseminação do vírus, todas as recomendações foram atendidas. “Sempre tomamos todas as pre­cauções necessárias para manter ainda mais a higiene, a utilização dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), a organização do fluxo de pessoas nas filas e to­das as medidas recomendadas pela vigilância sanitária do município”, destacaram.

Questionados sobre que lição tiram desse episódio, Ana Go­rete e Solano disseram que ela deve servir para todos independente do local onde vivem: ter cuidado com a disseminação de mensagens que podem impactar de forma muito negativa e até mesmo serem dis­torcidas por tantas outras pessoas. “Nós ficamos chocados com tudo isso, minha esposa ficou abalada emocionalmente porque ela estava vendo o árduo trabalho dela indo por água abaixo por causa de um áudio que considero maldoso. As pessoas não deveriam falar o que não compete a elas e se quiserem alertar algo para um grupo de cola­boradores, que usem de bom senso e bondade para não acontecer com outras pessoas o que aconteceu conosco”, finalizaram.

COMITÊ – A equipe do Comitê Extraordinário de Saúde, criado exatamente para acompanhar o cenário de pandemia no muni­cípio, reforçou a necessidade de procurar os canais oficiais para se informar. Além disso, mesmo com dois casos confirmados da doença, a orientação dos profis­sionais continua a mesma: que a população mantenha os cuidados de higiene e evite aglomerações;o uso de máscaras é obrigatório tanto nas vias urbanas quanto nos estabelecimentos comerciais ea recomendação é que só saiam de casa se for necessário.

Fonte/Foto: Tribuna do Pampa

Sobre Reportagem

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Brasil registra 205 mortes por Covid em 24 horas

O Brasil registrou nesta quinta-feira (2) 205 ...

%d blogueiros gostam disto: