INCRA e Prefeitura de Pedras Altas vão investir em torno de R$ 300 mil reais na recuperação de estradas

Através de assinatura de convênio entre a Prefeitura de Pedras Altas e a superintendência do INCRA em Porto Alegre, para recuperação e projeto de levantamento, drenagem do trecho da estrada que faz divisa com Herval e cascalhamento de 7 km da estrada principal.

A superintendência regional do INCRA no Rio Grande do Sul, em Porto Alegre e a Prefeitura de Pedras Altas deram o pontapé inicial, em 2020, para a realização de obras de infra-estrutura em projetos de assentamentos criados pela autarquia no município de Pedras Altas.

Com um investimento de cerca de R$ 300 mil, as obras de recuperação e complementação de estradas vicinais que vão atender uma reivindicação histórica das comunidades no interior do município de Pedras Altas. No ato de assinatura dos convênios, o superintendente regional do INCRA/RS, Tarso Teixeira, destacou a importância das obras de infra-estrutura para a dinamização da economia local e melhoria das condições de vida dos agricultores. O gestor informou que as obras continuarão ao longo de 2020, em cumprimento de metas estabelecidas pelo Governo Federal para levar qualidade de vida às famílias beneficiárias das políticas de reforma agrária.

Para o Prefeito de Pedras Altas, Bebeto Perdomo, a chegada dos recursos para recuperação de estradas vicinais que atendem comunidade rural é de importância vital para um município que tem na agricultura, pecuária e bacia leiteira as suas principais atividades econômicas. Participaram do ato de liberação dos recursos os Vereadores José Volnei e Nádia Padilha, juntamente com a assessoria parlamentar do Senador Luiz Carlos Haiz.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Vulcão na África não deve causar tsunami no Brasil, diz especialista

A história que uma provável erupção nas ...

%d blogueiros gostam disto: