Mais de 600 quilos de carnes é apreendida na região de ação do CRPO Sul

O Comando Regional de Polícia Ostensiva Sul, em continuidade das ações do Plano Tático-Operacional da Brigada Militar, coordenou diversas operações realizadas pelos quatro Batalhões que o compõem, nesta quinta-feira (06/01), como forma de repressão qualificada e prevenção ao crime. Na primeira fase foram realizadas operações de Combate ao Abigeato, visibilidade e barreiras policiais em locais estratégicos priorizados com base nas informações coletadas no sistema Geseg do Governo do Estado nas regiões de ação do 4⁰BPM, 6⁰BPM, 30⁰ BPM e 3⁰ BPAF.

O CRPO SUL contou com o apoio do Comando Ambiental da BM, Vigilância Sanitária e Inspetoria Veterinária.

Resultado das ações:

639kg de carnes impróprias para consumo
01 pessoa presa em flagrante
411 pessoas abordadas
29 barreiras policiais realizadas
252 veículos fiscalizados
53 estabelecimentos comerciais inspecionados

Na região Sul a Operação Integrada de Combate ao Abigeato, em cumprimento ao Plano Tático – Operacional da Brigada Militar.

Comunicação Social do CRPO/Sul: whatsapp 53 98156 8836 ou e-mail crposul-comsoc@brigadamilitar.rs.gov.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Ministério Público recorre de decisão que negou prisão de homem que matou cachorro em Rio Grande

O MP (Ministério Público) recorreu, no início ...

%d blogueiros gostam disto: