Pelotas chega a 1.547 casos de coronavírus

Nesta quarta-feira (12), Pelotas registrou 47 novos casos de coronavírus, chegando a 1.547 confirmações desde o início da pandemia. Do total, 943 são consideradas recuperadas, 529 permanecem isoladas, 34 estão internadas e há 41 óbitos.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) aguarda o resultado de 279 exames que estão no Laboratório Central de Saúde Pública do Estado do Rio Grande do Sul (Lacen/RS).

Hospitalizados

Até as 13h , 72 pacientes estavam internados em leitos exclusivos para Covid-19 em unidades de saúde local. Nove são moradores em outras cidades. Do total, 30 ocupam leitos de UTI e 42 estão em Enfermaria.

Dos 63 internados que são moradores de Pelotas, 34 positivaram para coronavírus, 24 estão sob suspeita e cinco negativaram para a doença, mas seguem ocupando leito Covid em função de protocolo clínico. Desses casos, 24 se encontram em UTI e 39 em Enfermaria.

Dos nove hospitalizados de outras cidades, seis testaram positivo para o vírus e três são suspeitos. Seis moradores de outras localidades estão em UTI e três em Enfermaria.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Ministério Público recorre de decisão que negou prisão de homem que matou cachorro em Rio Grande

O MP (Ministério Público) recorreu, no início ...

%d blogueiros gostam disto: