Pelotas retorna à bandeira laranja após três semanas

Depois de três semanas em bandeira vermelha, Pelotas foi classificada em bandeira laranja no mapa preliminar do modelo de Distanciamento Controlado do governo gaúcho. A redução no número de leitos, na macrorregião Sul, ocupados por pacientes Covid-19 foi o indicador determinante para a cidade ser considerada risco médio para o contágio por coronavírus.

Na 38ª rodada do Distanciamento Controlado as regiões de Bagé e Pelotas apresentaram um aumento de 62% no número de leitos de UTI livres por leitos de UTI ocupados por pacientes Covid-19 em relação à rodada anterior. O número de leitos de UTI livres no dia 21 de janeiro para atender casos de coronavírus aumentou, se comparado as últimas três semanas. Além disso, no mesmo dia, reduziram em 7% os internados em leitos clínicos Covid-19, sendo que na rodada anterior eram 75 e agora são 70.

O que ajudou na reclassificação da macrorregião foi a redução em 30% das hospitalizações em Bagé nos últimos sete dias, que foram 16 nesta semana, 23 na passada e 35 na retrasada. Pelotas, neste indicador, se manteve estável com aumento de 1%, o que representa um caso a mais. O número de óbitos nos últimos sete dias também se manteve fixo em Bagé com nove casos e, em Pelotas, houve aumento de um caso, registrando 38 mortes.

Como a região de Pelotas faz parte do sistema de cogestão junto a Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul), pode adotar protocolos de bandeira amarela. A classificação para risco médio passa a valer a partir do dia 26 de janeiro e se estende até dia 1º de fevereiro.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Google vai distribuir 500 mil bolsas de estudos para cursos em tecnologia; veja como se candidatar

O Google anunciou em junho que distribuirá ...

%d blogueiros gostam disto: