Polícia Federal cumpre nesta sexta-feira medidas judiciais em investigação em Jaguarão.

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta sexta-feira (15/01), medidas judiciais em investigação que apura os crimes de peculato, associação criminosa e falsidade material praticados, que teriam causado prejuízo de aproximadamente 600 mil reais a ao menos oito clientes da Caixa Econômica Federal.

Policiais federais cumprem três mandados de busca e apreensão com o intuito de coletar provas e elementos que confirmem as informações compartilhadas pela própria instituição bancária.

As vítimas identificadas até o momento são idosas e realizavam transações bancárias e consultas à conta corrente exclusivamente em atendimentos presenciais realizados na agência de Jaguarão.

Além das buscas, a Polícia Federal executa medidas judiciais de sequestro de bens e de valores.

Fonte: Comunicação Social da Polícia Federal em Jaguarão

Sobre Reportagem

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Ministério Público recorre de decisão que negou prisão de homem que matou cachorro em Rio Grande

O MP (Ministério Público) recorreu, no início ...

%d blogueiros gostam disto: