Queda de granizo deixa casas destelhadas em Jaguarão

Jaguarão foi atingida por um temporal com queda de granizo no final da noite desta segunda-feira (03). De acordo com o Corpo de Bombeiros da cidade, o vento forte e a intensa chuva de granizo deixou residências destelhadas.

Ainda durante a madrugada, a corporação prestou auxílio aos moradores distribuindo lonas. As regiões do Centro e Norte do município foram as mais atingidas. Ainda segundo os Bombeiros, a queda de granizo foi isolada, não sendo registrada em cidades vizinhas.

O temporal, que durou cerca de 15 minutos, também deixou grande parte da cidade de Jaguarão sem energia elétrica. A força dos ventos derrubou árvores e fios de luz. O Corpo de Bombeiros não soube estimar o número de residências atingidas e informou que equipes da Defesa Civil estão fazendo o rescaldo dos estragos ao longo desta terça-feira (04).

O bairro Bela Vista foi o mais atingido. Houve queda de energia, de postes e de árvores. Um galpão de armazenamento de grãos localizado no Centro de cidade desabou, várias casas foram destelhadas pela força do vento que estima que tenha passado dos 80km/h. Não há registros de feridos, desabrigados ou desalojados.

O quadro de instabilidade com a presença de temporais já vinha sendo informado pela MetSul Meteorologia. A Argentina e o Uruguai sofreram com temporais também ao longo desta segunda. A expectativa é que o quadro avance no Rio Grande do Sul nesta terça-feira com a chegada da frente fria.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Ministério Público recorre de decisão que negou prisão de homem que matou cachorro em Rio Grande

O MP (Ministério Público) recorreu, no início ...

%d blogueiros gostam disto: