Serviços não essenciais não devem abrir a partir de terça-feira em Pelotas

Através de suas redes sociais, a Prefeita de Pelotas Paula Mascarenhas anunciou que não irá recorrer da decisão da mudança da bandeira vermelha, ao qual Pelotas foi inserida na última atualização do Distanciamento Controlado, para laranja, determinada na última quinta-feira pelo governo do Estado com base no avanço de casos de Covid-19 na cidade e região. Com isso, o comércio e serviços não essenciais param a partir de terça-feira (7).

Paula levou em consideração a lotação dos hospitais e o aumento do número de internações. “A decisão de hoje vai levar de 10 a 15 dias para ter efeito” declarou a prefeita. Serviços essenciais como supermercados, farmácias, posto de combustíveis e restaurantes terão o aval para seguir em funcionamento.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Vulcão na África não deve causar tsunami no Brasil, diz especialista

A história que uma provável erupção nas ...

%d blogueiros gostam disto: